Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider

Apoio de Lisboa importante para sector energético

Em notícias recentes, Angola espera que Lisboa as apoie através de investimentos privados no desenvolvimento de novas fontes de eletricidade e energia. Nos próximos três anos, Angola está procurando aumentar seu setor de energia em US $ 3 bilhões para acompanhar a produção de sua capacidade de energia. Com uma ênfase crescente nas energias renováveis, Angola espera que, através de investidores de cidades como Lisboa, possam crescer onde precisam ser como país em termos de energia e energia.

Economia do mar-cooperação entre nações

Na segunda-feira, 20 de Maio de 2019, Portugal e Angola assinaram um memorando sobre a economia do mar. Este memorando estabeleceu um acordo de cooperação entre as duas nações em áreas como pesquisa técnica e científica, legislação, treinamento e várias outras áreas que envolvem a aproximação de “empresários portugueses e angolanos para a cooperação marítima sustentável”.

Aumento da Receita não petrolífera

Segundo a Administração Geral Tributária (AGT), até abril deste ano, foram arrecadados cerca de 1.810 mil milhões de kwanzas (AKz) em receitas alternativas ao petróleo, esta marca representa um aumento na ordem dos 34 % em relação ao período homólogo no qual a receita se cifrou em 300 mil milhões kwanzas.

Continuar...

Regime excepcional de regularização de dívidas fiscais aduaneiras e à segurança social

Foi publicada em Dezembro de 2018, a Lei n.º 18/18 que aprova o Orçamento Geral do Estado de Angola para o ano de 2019 e a qual prevês um novo regime de regularização excepcional de dívidas fiscais, aduaneiras e à segurança social em Angola.

Continuar...